Raio causa morte de 12 vacas em distrito de São José do Rio Preto, SP

Um raio causou a morte de doze vacas exploradas na produção de leite, nesta sexta-feira, 29, no distrito de Talhado, em São José do Rio Preto, interior de São Paulo. O acidente aconteceu em uma propriedade rural produtora de leite. Como chovia e fazia frio, os animais se reuniram sob uma mangueira frondosa para se abrigar da chuva. A descarga elétrica atingiu a árvore e fulminou as vacas que estavam sobre o solo molhado.

De acordo com o pecuarista Antonio Carlos Prato, tutor dos animais, dez vacas eram matrizes selecionadas e estavam prenhas. As outras duas estavam amamentando e deixaram bezerros novos. Ele calculou o prejuízo em pelo menos R$ 30 mil. Os animais mortos foram encaminhados para descarte. Outros 46 bovinos que estavam no mesmo piquete nada sofreram.

De acordo com o veterinário Francisco Dalbon, esse tipo de acidente é comum em áreas rurais. Quando chove, os animais buscam abrigo sob árvores que, se altas e isoladas, atraem raios. Nas propriedades onde não há para-raios instalados, o ideal é cercar as árvores isoladas para evitar a aproximação dos animais durante a chuva.

Fonte: Estado de Minas

 

Nota do Olhar Animal: Mais “ideal” ainda é não explorar vacas para a produção leite ou qualquer outro fim. O danos causados a elas são grandes.

 

Mais notícias

{module [427]}

{module [425]}

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.