Ratão-do-banhado é resgatado e devolvido à natureza em Serafina Corrêa, RS

Ratão-do-banhado é resgatado e devolvido à natureza em Serafina Corrêa, RS

Por Adriana Sabadin

RS SerafinaCorrea ratao

A equipe da Secretaria de Meio Ambiente de Serafina Corrêa deslocou-se à Rua Orestes Assoni, no dia 09 de Outubro de 2015, para atender ao chamado de uma moradora que encontrou um ratão-do-banhado em sua casa.

A espécie é nativa do Rio Grande do Sul, vive em locais úmidos, próximos a rios e banhados, alimentando-se principalmente de gramíneas, raízes e plantas aquáticas.

O animal estava assustado, encolhido em um canto e, embora não oferecesse nenhum tipo de perigo às pessoas, foi necessário fazer resgate para protegê-lo, pois poderia deslocar-se para a rua, onde havia o risco de ser atropelado ou de entrar em outros terrenos e ser atacado por algum cachorro.

Desse modo, foi acionado o Corpo de Bombeiros Voluntários de Serafina Corrêa, que possui equipamentos adequados e pessoal treinado para agir nesse tipo de situação.

Após o resgate, o ratão-do-banhado foi devolvido à natureza, em local com as características de seu ambiente natural.

Sempre que algum animal silvestre for encontrado em casas ou terrenos, deve-se evitar tentar capturá-lo, mexer nele ou gritar, pois essas ações podem machucá-lo, causar muito estresse ou alguma reação agressiva, que nada mais é que uma tentativa de defesa, pois ele pensará que está sendo atacado.

Na maioria das vezes, o bicho seguirá seu caminho sozinho, pois está apenas de passagem. Caso ele não consiga sair ou esteja ferido ou em situação de perigo, a Secretaria de Meio Ambiente deverá ser chamada para avaliar a situação.

A Secretaria de Meio Ambiente, em nome da Prefeitura Municipal, agradece a os todos envolvidos no resgate, em especial aos Bombeiros Voluntários, que prontamente se dispuseram a ajudar nessa importante ação em defesa da natureza.

RS SerafinaCorrea ratao2

RS SerafinaCorrea ratao3

RS SerafinaCorrea ratao4

RS SerafinaCorrea ratao5

RS SerafinaCorrea ratao6

RS SerafinaCorrea ratao7

Fonte: www.serafinacorrea.rs.gov.br

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.