Recife (PE) ganha cozinha especializada em comida vegana

Recife (PE) ganha cozinha especializada em comida vegana
Fotos: Divulgação/Assessoria

A marca VeganU inaugura, no próximo sábado (1º), uma unidade fixa no bairro da Madalena, na Zona Oeste do Recife. Desde outubro do ano passado, o estabelecimento já funciona de forma itinerante em eventos e foods parks da Região Metropolitana. Especializada em lanches, a loja traz diversas opções para quem não ingere produtos de origem animal ou é simpatizante da culinária vegana.

Há pão de queijo (de massa de mandioca) com opções de recheios que vai do tradicional a ervas finas, tomate seco e goiabada. Tem também quibe (feito de soja), pães recheados com tofu e azeitona verde ou tomate seco, esfihas de carne de jaca ou mexicana (soja apimentada), hambúrguer (de lentilha), batata frita, rissoles de palmito ou soja com milho.

A coxinha de carne de jaca é um dos produtos mais pedidos da VeganU. Ela também por vir nos sabores com brócolis e champignon, e a versão mexicana (soja levemente apimentada). Outra vedete do estabelecimento é o churros de doce de leite de coco. Todos eles, os clientes poderão saborear lá mesmo, quentinhos, ou pedir pelo delivery. Ainda tem a opção de levá-los para preparar em casa. Os itens são congelados e têm validade de até seis meses. Para acompanhar esses quitutes, há uma carta com vários sucos, chás e milk-shakes. E o melhor de tudo é que o cardápio da VeganU tem preços que vão de R$ 5,00 a R$ 14,00.

No comando da loja está o contador Humberto Andrade. Ele quem recebe os clientes e também vai para cozinha finalizar as preparações dos lanches. “Tenho a ajuda de mais três sócios. Um dos nossos objetivos é provar para as pessoas que não são nem vegetarianos nem veganos, que a culinária vegana é muito saborosa. Além disso, queremos que a lanchonete não seja só um lugar onde as pessoas possam desfrutar da alimentação, mas, principalmente, onde haverá muita troca de informação a respeito do veganismo, muita energia positiva e muita colaboração para disseminação desta cultura”, destacou Humberto.

Por Henrique França

Fonte: Celebs PE

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.