Resgate de filhote de pit bull próximo a uma autoestrada movimentada vai te deixar preso à cadeira!

Resgate de filhote de pit bull próximo a uma autoestrada movimentada vai te deixar preso à cadeira!

Resgate de cachorro não é para os fracos de coração, e um dos últimos resgates da organização Hope for Paws serve por certo serve prova. Eldad começou esse resgate sozinho depois que uma amiga ligou para falar de um filhote de pit bull negro que havia sido visto mancando perto da rampa de acesso de uma autoestrada. Eldad foi imediatamente ao local e, depois de procurar, viu a cadela escondida em uma toca.

Apesar de a equipe da Hope for Paws já ter resgatado vários cachorros (e gatos!) de autoestradas, este era bem mais perigoso! A cadela, que Eldad chamou de Yara, estava agressiva ao extremo por conta de uma pata dianteira com fratura grave. As habilidades de resgate de Eldad e sua persistência compensaram, afinal, e ele conduziu o animal ao veículo com sucesso (com bastante resistência). Infelizmente, quando ele deixou o animal sozinho por literalmente um segundo para pegar um pouco de água, Yara mastigou o cambão delicado e voltou para o mato. Foi frustrante, mas Eldad conseguiu capturá-la de novo, dessa vez segurando-a não com um, mas com dois cambões. Lição aprendida!

Depois de chamar Loreta Frankonyte para dar suporte, eles usaram uma gaiola para segurar e transportar Yara ao veterinário. Apesar de ela ter que amputar a pata, isso a aliviou tanto da dor e permitiu que ela por fim percebesse que estava salva. Após treinamento e reabilitação, Yara mudou por completo! Estava finalmente sadia, feliz, e se tornou uma pequena fera da velocidade! Essa garota preciosa está agora em lar temporário e espera por um lar definitivo para chamar de seu. Se você tem interesse em levar essa beleza negra para casa, entre em contato com a organização The Little Red Dog.

Para ajudar no resgate de mais animais que sofrem ou estão ou abandonados, considere doar para a Hope for Paws ao clicar aqui.

Por Nadine Rich / Tradução de Juliana Ribeiro

Fonte: One Green Planet

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.