RJ: Atraso na reforma do CCZ de Resende, provoca transtornos

RJ: Atraso na reforma do CCZ de Resende, provoca transtornos

Trabalho no Centro de Controle de Zoonoses começou em maio. Obra, orçada em R$ 150 mil, deveria ter sido entregue em agosto.

Os moradores de Resende, no Sul do Rio de Janeiro, estão reclamando da demora na conclusão da reforma da sede do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ). O trabalho, que custou quase R$ 150 mil, começou em maio e deveria ter ficado pronto em agosto deste ano.

Durante o tempo em que a sede está fechada, o CCZ vem deixando de oferecer uma série de serviços importantes, entre eles o de castração de animais. Antes, eles eram recolhidos, tratados e encaminhados para adoção.

“É importante pra gente que essa obra termine o mais rápido possível, pra gente poder contar com o serviço que é muito importante, muito bem feito. Enquanto funcionava era muito bem feito”, disse Bárbara Dias Correa dos Santos, veterinária.

A prefeitura disse que precisou fazer adequações na obra e que uma ventania estragou o telhado que precisou ser refeito, por isso atraso. Informou ainda que tudo deve estar pronto e funcionando no início de novembro.

Fonte: G1

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.