Santana de Parnaíba (SP) vai ganhar primeiro hospital veterinário gratuito

Santana de Parnaíba (SP) vai ganhar primeiro hospital veterinário gratuito

O que parecia um sonho para protetores e tutores de animais está se tornando realidade. Está sendo construído, em Santana de Parnaíba, o primeiro hospital veterinário gratuito da região, o Hospital Veterinário Regional.

Erguido em uma área de 2.300 metros quadrados, na rua Mato Grosso, no Jardim Diva (Fazendinha), o prédio terá 1.500 metros quadrados de área construída e 42 salas, sendo 6 para cirurgias. Além disso, o hospital também terá espaço para tratar animais de grande porte como cavalos e éguas. A expectativa é que sejam realizados cerca de 450 a 600 atendimentos por dia entre exames, raio-x e vários tipos de procedimentos que vão de cirurgias simples, ortopédicas e complicações graves em órgãos.

Idealizado pela APPA (Associação Paulista de Proteção Animal), uma organização não-governamental, com sede também em Santana de Parnaíba, o hospital só pode ser construído porque teve o apoio e doações de associados e empresários parceiros.

De acordo com Neco, diretor da APPA, o objetivo é inaugurar o Hospital Veterinário Regional ainda neste semestre mas, para isso, o grupo precisa de recursos para finalizar a obra. “Nossa busca agora é por doações para finalizarmos o acabamento do prédio. Nós ainda precisamos colocar pisos e revestimentos, por exemplo”, disse. Com as obras em estágio avançado, no próximo dia 21, das 10 às 16 horas, o local estará aberto para os visitantes conhecerem toda a sua estrutura. Mais informações podem ser recebidas pelo telefone 96193-7368 ou no site www.appapetsp.org.br.

Neco alerta que a intenção não é retirar clientes das clínicas porque o hospital não fará atendimento clínico, apenas atendimentos emergenciais. “Por exemplo, se o animal não está comendo direito, o tutor vai levá-lo em um veterinário de sua confiança e, em caso de solicitação de exames ou cirurgia, o tutor pode levar o pet ao Hospital Veterinário Regional”, concluiu.

Por Graciela Zabotto

Fonte: Web Diário 

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.