EUA yellwstone scarface

Scarface, o urso que atraía turistas, foi abatido

Era uma estrela do parque norte americano Yellowstone, onde todos os anos pela primavera uma legião de turistas e fotógrafos aguardavam pela sua aparição

Por Alexandre Costa

Pertencia a uma espécie protegida e era o animal mais famoso do parque de Yellowstone, em Montana, Estados Unidos. As cicatrizes ganhas nas lutas contra outros ursos valeram-lhe a alcunha de Scarface – era assim que era conhecido este urso pardo da América junto da legião de turistas e fotógrafos que todas as primaveras aguardavam pela sua aparição.

Este ano já não voltará a acontecer. A Agência de Pesca e Vida Selvagem dos Parques de Montana anunciou que o animal foi abatido a tiro em final de novembro do ano passado, não tendo ainda sido descoberto o responsável pelo crime.

Scarface havia chegado a pesar 270 quilogramas, mas entretanto já havia perdido quase metade desse peso dado o avançar da idade. Contava 25 anos, uma idade à qual apenas chegam 5% dos ursos nascidos em Yellowstone.

O abate de animais de espécies protegidas nos Estados Unidos é punido com até 22 mil dólares de multa e seis meses de prisão. O anúncio da morte de Scarface irá provavelmente alimentar o debate em curso em torno da proposta de que o urso pardo da América deixe de ser considerado uma espécie protegida. Quando foi incluído nessa lista em 1976, a população total era de 136.

Atualmente existem 700 ursos no parque. Caso as regras mudem, poderão voltar a ser alvo dos caçadores.

Fonte: Expresso

Mais notícias

{module [427]}

{module [425]}

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.