Soltura monitorada de animais é realizada em Salgueiro, PE

Soltura monitorada de animais é realizada em Salgueiro, PE

Mais de 40 papagaios e 19 caititus foram reintroduzidos ao ambiente natural.

PE Salgueiro soltura animais

Biólogos e veterinários da Agência Estadual de Meio Ambiente (CPRH), do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) e do Centro de Conservação e Manejo de Fauna da Caatinga (Cemafauna Caatinga) realizaram a soltura monitorada, nos 12 e 13 deste mês, de 19 caititus e 44 papagaios em uma área de conservação localizada no município de Salgueiro, no Sertão de Pernambuco.

A soltura dos papagaios foi planejada pelo biólogo da CPRH Yuri Valença, que realiza o projeto Papagaio da Caatinga desde 2010 e monitora os animais periodicamente em visitas ao Centro de Triagem de Animais Silvestres do Cemafauna, instituição parceira para a reabilitação desses espécimes. O biólogo explica que tanto os caititus quanto os papagaios não podem ser soltos de imediato porque têm que seguir algumas etapas que são essenciais para sua total reintrodução ao ambiente natural.

Primeiramente, eles passam pela triagem onde cada indivíduo é analisado quanto ao seu status corporal e motor, além do relato do histórico até o momento de passar pelos exames clínicos. Depois, é necessário realizar a anilhagem, microchipagem e sexagem para que eles fiquem num viveiro de socialização – momento em que eles começam a formar casais, a viver em grupo, parar de responder a estímulos humanos, como fala e aproximação, além de resgatar o medo pelos seus predadores e o treino da musculatura para o voo.

“Nós levamos os animais para um viveiro de ambientação no local de caatinga, onde finalmente será realizada a soltura, em Salgueiro, para que eles possam se aclimatar ao ambiente”, diz Yuri.

Fonte: Jornal do Commercio

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.