Foto: Reprodução

Suspeito de matar cachorro em São Mateus (ES) é interrogado e nega crime

A Polícia Civil informou que um homem, suspeito matar a tiros um cachorro em São Mateus, no último dia 22, foi interrogado na delegacia do município, na última quinta-feira (29). De acordo com a polícia, o suspeito negou que se encontrava no local no momento do crime e foi liberado.

O caso continua em investigação na Delegacia de Infrações Penais e Outras (DIPO) de São Mateus. Nesta sexta-feira (30), o titular da delegacia, responsável pelas investigações, Leonardo Malacarne, tem uma reunião prevista com a deputada Janete de Sá, presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) dos maus-tratos contra os animais da Assembleia Legislativa, para falar sobre as investigações do caso.

O crime

O caso, que aconteceu no dia 22 de agosto, causou grande repercussão nas redes sociais. As imagens de videomonitoramento mostram o agressor passando de carro na rua e, sem nenhum motivo aparente, saca a arma e atira contra o animal, indo embora em seguida.

Testemunhas chegaram a socorrer o cão, mas ele acabou não resistindo aos ferimentos. De acordo com apuração da equipe da TV Vitória/Record TV, moradores disseram que o suspeito do crime mora no mesmo bairro onde ocorreu a ação.

A polícia conseguiu chegar ao suspeito por meio das imagens de videomonitoramento, que identificaram o carro.

Fonte: Folha Vitória

Cachorro é perseguido e morto a tiros em São Mateus, ES; vídeo

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.