Tartaruga é batizada nesta segunda (10) em Guarujá, SP

Tartaruga é batizada nesta segunda (10) em Guarujá, SP
Tartarua foi batizada de 'Mel'. (Foto: Divulgação)

Acontece nesta segunda-feira (10), às 10 horas, o batismo da tartaruga “Mel”, nome escolhido por meio de uma gincana com alunos de cinco escolas municipais do Ensino Fundamental I de Guarujá. Trata-se do nome carinhoso dado a um quelônio da espécie Caretta caretta (conhecida popularmente como tartaruga-cabeçuda), atualmente pesando 4,5 quilos, que chegou ao Gremar em julho de 2016.

A ação será realizada na sede do Grupo de Resgate e Reabilitação de Animais Marinhos (Gremar), na estrada Guarujá-Bertioga, próximo ao km 13,5. A tartaruga foi localizada em Mongaguá com a carapaça revestida de algas e com dificuldades respiratórias. Ela será devolvida a seu habitat ainda neste mês, junto com sua amiga Pérola (nome definido pelo programa da Ana Maria Braga, da TV Globo, no ano passado).

Os alunos vencedores da gincana são da Escola Municipal Professor Vereador Ary da Silva, do Jardim Mar e Céu. Os pequenos participarão do batismo e de uma palestra de Educação Ambiental, por meio do programa Caminhos da Mata.

Participaram da votação para a escolha do nome da tartaruga, além da turma vencedora, outras quatro escolas municipais: Professor Herbert Dow; Professor Sérgio Pereira Rodrigues; Professora Benedita Blac Gonzalez e Mário Cerqueira Leite Filho. Cada instituição escolheu um nome para o animal marinho, e as opções foram levadas a uma comissão organizadora formada por representantes das secretarias de Meio Ambiente e Educação, além do Gremar. Entre eles, o nome mais votado foi “Mel”.

O evento tem como objetivo mostrar às crianças a importância do cuidado e respeito ao meio ambiente, aprendendo como agir para o bem-estar dos animais marinhos. E mais: não jogar lixo nas praias e rios, de forma que os animais não confundam com alimento.

A ação é realizada pela Prefeitura de Guarujá, por meio da Secretaria de Meio Ambiente, e conta com o apoio da Secretaria de Educação e do Gremar.

Os animais foram resgatados durante o Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP/BS), atividade desenvolvida para o atendimento de condicionante do licenciamento ambiental federal do Polo Pré-Sal da Bacia de Santos pela Petrobrás, conduzida pelo Ibama.

Fonte: Diário do Litoral

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.