Testes em animais são tema de evento na Subseção Jabaquara da OAB-SP neste sábado

Testes em animais são tema de evento na Subseção Jabaquara da OAB-SP neste sábado

O primeiro evento da Comissão de Proteção e Direitos dos Animais da OAB/SPJabaquara e ONG Te Protejo Latam no Brasil, é um encontro para conhecer as alternativas aos testes em animais em cosméticos e as alternativas que temos como consumidores respeitosos com o meio ambiente e os animais.

Evento: TESTE EM ANIMAIS. NECESSIDADE OU CRUELDADE?

Data: 01/12/2018 – Sábado

Horário: 12h/17h

Local: Casa da Advocacia e da Cidadania da Ordem dos Advogados do Brasil – 116ª Subseção Jabaquara-Saúde Rua Afonso Celso, 1200 – Saúde, São Paulo – SP, 04119-061, Fone: (11) 5594-6125

Realização: Comissão de Proteção e Defesa Animal da 116ª Subseção OAB Jabaquara-Saúde E ONG Eu te Protejo

Apoio: Instituto Surya Solidária

Este evento tem relevância e importância nos estudos da temática do Direito Animalista.

Programação:

14:00 – 14:10 – abertura

14:10 – 14:30 – ONG Eu te Protejo – CAMILA CORTINEZ, Diretora geral e fundadora da ONG Te Protejo, Coordenadora de Projetos com mais de sete anos de experiência em gestão e desenvolvimento de projetos para empresas públicas e privadas, e dez anos de experiência de trabalho em organizações não-governamentais na área de meio ambiente/animalista.

14h30 – 15h00 – Métodos alternativos e substitutivos aos testes em animais, com BIANCA MARIGLIANI, bióloga especialista em Biologia Molecular, mestre em Biotecnologia pela USP e doutoranda em Biotecnologia pela UNIFESP. Atualmente dedica-se ao desenvolvimento de métodos alternativos ao uso de animais, principalmente na área de avaliação de segurança de cosméticos. Vencedora do prêmio Lush Prize 2015 na categoria Jovem Pesquisador para substituição do uso de soro bovino fetal em métodos in vitro, está trabalhando em colaboração com o INMETRO na implementação de um método alternativo, visando a substituição total do uso de animais em testes para avaliação do potencial alergênico de agentes químicos.

15h00 – 15h30 – HELDER CONSTANTINO, gerente da campanha “Liberte-se da Crueldade” no Brasil da Humane Society International (HSI).

15h30 – 16h00 – Direitos, jurisprudenciais matéria, legislação vigente e aplicado ao tema com a Dra. MAÍRA PEREIRA VÉLEZ, Advogada; Especialista em Direito do Trabalho e Previdenciário; Presidente da Comissão de Proteção e Defesa Animal; Membro Efetivo da Comissão da Mulher Advogada da OAB SP; Secretária Geral da OAB Jabaquara-Saúde, cargos da gestão 2016/2018. Foi Assessora Técnica do Centro de Manejo de Fauna Doméstica da Secretaria do Meio Ambiente do Estado de São Paulo e Membro Efetivo da Comissão de Defesa dos Direitos dos Animais do Conselho Federal da OAB – Gestão 2013-2015. Assessora Técnica da Subsecretaria Estadual de Defesa dos Animais Domésticos criada pelo Governador do Estado de São Paulo Márcio França.

16h00 – 16h20 – Roda de conversa, debate dos expositores, participantes e convidados Organizações Não Governamentais – ONGS referencias na atuação e temática de testes em animais.

Fonte: Organizadores do evento


Nota do Olhar Animal: E mesmo que eventualmente seja considerada “necessária”, a exploração de animais em testes científicos é JUSTA? Limitar a discussão à questão da “necessidade” põe o foco exclusivamente nos interesses humanos sobre esta exploração. Ampliar o debate para questão da JUSTIÇA desloca este foco para os interesses dos animais não humanos, torturados e abusados nestes experimentos. Por isso, pensamos que o questionamento a respeito da justiça deve se sobrepor ao da necessidade.

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.