Tratadora é demitida por deixar turistas montarem em tartarugas gigantes

Tratadora é demitida por deixar turistas montarem em tartarugas gigantes

Por Edward chow e Corey Charlton / Tradução de Ana Lidia

china tartaruga1

Fotografias mostrando uma tartaruga sendo cutucada com uma chave de fenda para que proporcionasse um passeio em sua concha a uma criança causou indignação entre ativistas chineses de direitos dos animais.

Uma série de imagens postadas terça-feira na rede social chinesa – Weibo – retrata o animal sendo conduzido por um turista, com um cartaz afirmando que a tartaruga estava chorando ao ser cutucada por uma chave de fenda para que se movesse.

Alega-se que as imagens foram tiradas no Parque de Animais Selvagens Haicang, na cidade de Xiamen, no sudeste da China.

A tartaruga, aparentemente, teria sido um presente diplomático enviado por Mauritius.

A tratadora do zoológico foi demitida e autoridades estão investigando, relatou o Jornal do Povo online.

As imagens geraram um grande número de comentários e, até às 19h40, haviam sido compartilhadas mais de 1.200 vezes por usuários indignados.

O diretor do Parque de Animais Selvagens Haicang, Jiang, disse aos repórteres que, assim que o zoológico foi notificado sobre as fotos no Weibo, a equipe partiu para verificar o problema imediatamente.

Eles confirmaram que a mulher da foto era a tratadora de animais do zoológico e disse que segurava uma ferramenta utilizada para manutenção da jaula. A tratadora negou as acusações.

Sr. Jiang disse: “Nosso zoológico não autoriza que nossos animais sejam montados. A equipe selecionada para investigar este problema identificou que esta foi uma decisão isolada de um único tratador e que esta pessoa foi demitida.”

O porta-voz do zoológico confirmou à imprensa local que as duas tartarugas gigantes de Aldabra de que eles cuidam foram presentes diplomáticos dados pelas autoridades de Mauritius à China.

O zoológico permite que os visitantes tirem fotos com elas, porém, não autoriza que elas sejam montadas.

O porta-voz disse: “Aos turistas, custam 30 yuan (£3,6) para tirar uma foto com a tartaruga e o cuidador do zoológico pode ganhar de 9 a 10 yuan (£1) de comissão por cada foto.

Acrescentou que a tratadora que pode ser vista nas imagens não pôde “resistir à tentação do dinheiro”, sugerindo que esta deixava que os turistas montassem as tartarugas para que eles tirassem mais fotos.

china tartaruga2

Fonte: Daily Mail

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.