Treinador é flagrado batendo e chutando belugas em aquário na Rússia

Treinador é flagrado batendo e chutando belugas em aquário na Rússia

Um treinador de animais no extremo leste da Rússia foi flagrado em imagens de câmera batendo e chutando duas belugas (baleias-brancas), causando uma revolta feroz das pessoas.

Dmitry Bachinsky, de 32 anos, que trabalha no Aquário Primorsky em Vladivostoque, foi pego em imagens de câmera atacando duas belugas, chamadas de Nil e Lear.

De acordo com manifestantes de direitos dos animais, no momento da agressão Bachinsky estava tentando ensinar as belugas um comando que ambas beijam sua mão.

Quando os animais se recusaram a participar do truque, ele bateu em um e chutou o outro, disse o grupo Freedom for Killer Whales and Belugas.

A declaração seguiu, dizendo que “fontes afirmam que Bachinsky pratica tais métodos regularmente”.

Contudo, uma fonte no oceanário em Vladivostoque disse à PrimaMedia que as belugas em cativeiro normalmente são agressivas umas com as outras durante o período de acasalamento.

As ações do treinador eram destinadas a mudar a atenção do animal agressivo, afirmou.

O aquário negou que as belugas foram feridas. O incidente ocorreu em 5 de maio, mas só veio à tona recentemente.

Vídeo no Facebook: clique para abrir

Fonte: Mail Online via Portal Mie

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.