China yulin dogcage 1

Três dias de vigília para salvar cães da morte no festival de carne canina em Yulin

Centenas de cães destinados à mesa de jantar na China durante o Festival de Carne Canina de Yulin foram resgatados após ativistas dos direitos animais manterem uma vigília de três dias junto a um caminhão-abatedouro.

Por Vickiie Oliphant / Tradução de Clarissa Troller

Ativistas dos direitos dos animais iniciaram uma vigília de três dias junto a um motorista de caminhão para resgatar centenas de cães destinados à mesa de jantar na China durante o Festival de carne canina em Yulin.

Manifestantes pararam um caminhão na autoestrada Tianjin, na periferia de Beijin, após visualizar o veículo lotado de cães doentes e machucados em condições miseráveis e sendo conduzidos para serem abatidos no festival anual que mata aproximadamente 10.000 cães em cada edição.

Muitos ainda estavam usando coleiras com identificaçãao, o que os ativistas dizem provar que os cães eram, claramente, animais de estimação roubados.

Após sinalizarem para parar o caminhão, ativistas da Humane Society International se recusaram a sair do lado dos animais até que eles fossem liberados.

China yulin dogcage 2

Nos três dias de luta, os manifestantes forneceram alimento vital, água e remédios através das grades do caminhão, enquanto outros negociavam com o motorista para liberar os animais.

Vários dos 200 resgatados foram encontrados em condições físicas e emocionais deploráveis – exaustos, desidratados e alguns cobertos com feridas e escaras.

Wendy Higgins da Humane Society International (HSI) disse: “vários desses pobres cachorros estavam em condições verdadeiramente apavorantes”.

“Nossos ativistas encontraram os cães abarrotados no caminhão imundo, alguns se agarrando a um resquício de vida e, infelizmente, 20 cães foram encontrados já mortos dentro do veículo.”

“Um grande número ainda estava usando suas coleiras com nomes, o que é uma visão muito comum porque vários cachorros e gatos são roubados para serem conduzidos ao mercado de carne.”

China yulin dogcage 3

China yulin dogcage 4

“Com a aproximação do festival de carne canina de Yulin, podemos esperar um pico no roubo de cães.”

“Todos os cachorros salvos deste caminhão estavam claramente traumatizados pelo que eles passaram, mas os ativistas fizeram um trabalho fantástico para salvá-los, e os animais sobreviventes irão receber cuidados veterinários e eventualmente serão postos para adoção.”

Apesar dos ativistas terem conseguido resgatar este caminhão cheio de cães, 10.000 serão mortos até o final deste festival bárbaro que inicia em 21 de Junho.

Ano passado, pela primeira vez, gatos também foram adicionados ao menu.

Proprietários de restaurantes alegam que comer carne canina é tradicional durante o verão, mas ativistas dos direitos dos animais dizem que o festival não tem valor cultural e foi meramente inventado para aquecer os negócios.

Wendy Higgins disse: “A maioria das pessoas na China não come cachorros realmente, e há uma enorme oposição chinesa a esse comércio que vê os amados animais de estimação das pessoas serem roubados e brutalizados”.

“Nossa petição está juntando milhões de assinaturas por todo o mundo clamando a Xi Jingping para acabar com o festival de Yulin e o mercado cruel de carne canina.”

Autoridades de Yulin negaram previamente que a matança de cães sequer acontecera, mas agora dizem que eles irão controlar fortemente a ordem pública, processar aqueles que roubam ou envenenam cães, acrescentando que comerciantes não poderão mais abater cães em público.

China yulin dogcage 5

Mas estima-se que 10 a 20 milhões de cães sejam mortos para consumo humano anualmente na China.

Agora, com a ajuda de entidades de caridade, um grupo de celebridades britânicas deu seu apoio à campanha #StopYulin.

Estrelas britânicas como Lucy Watson de Made in Chelsea, Gemma Atkinson de Emmerdale e o comediante Ricky Gervais estão entre as inúmeras pessoas que tweetaram uma ‘selfie canina’ para a Humane Society International (HSI).

Lucy Watson e seu Lulu da Pomerânia, Digby adicionaram sua ‘selfie’ dizendo: “nenhum animal merece ser abusado e mutilado do modo que os cães são no festival de carne, e pensar que poderia se o meu cachorro/meu melhor amigo, Digby, é insuportável”.

“Algo precisa ser feito, nós não podemos sentar e deixar essa crueldade continuar”.

Ricky Gervais, comediante e ativista dos direitos dos animais também se juntou à HSI uma vez mais para clamar por um fim a esta prática repugnante.

Ele tweetou: “os cães são torturados para que ‘a carne fique mais gostosa’. Eles têm ainda a pele arrancada e são fervidos vivos”.

“Não é um festival de comida. É o inferno”.

As celebridades ainda pediram aos seus fãs que assinassem a petição online direcionada ao Presidente chinês Xi Jingping para barrar o festival completamente.

Fonte: Express

MAIS NOTICIAS

{module [427]}

{module [425]}

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.