Um animal abatido e materiais de caça são encontrados pela Ambiental em Caraguatatuba, SP

Um animal abatido e materiais de caça são encontrados pela Ambiental em Caraguatatuba, SP
Foto: Polícia Militar Ambiental

Neste sábado (11/06), uma equipe da Polícia Militar Ambiental recebeu uma denúncia de que um homem foi avistado carregando um animal silvestre abatido no interior do Parque Estadual da Serra do Mar, no núcleo de Caraguatatuba.

Com as informações recebidas, as equipes realizaram patrulhamento próximo da área informada, localizando, no bairro Rio do Ouro, uma residência com duas armadilhas no quintal e palmito “in natura” em toletes.

Questionada, a proprietária da residência informou que as armadilhas pertenciam ao seu marido, que pratica atividade ilegal de caça na região, e que possuía no interior do freezer um animal abatido.

Os militares também perguntaram sobre a existência de arma de fogo na propriedade e os demais petrechos de caça. A mulher então confirmou que teria uma espingarda e munições, autorizando a entrada dos militares para buscas no local.

Os policiais ambientais localizaram 01 animal silvestre da espécie Quati congelado, 07 toletes de palmito “in natura” e no quarto do casal, uma espingarda calibre 28 com uma bolsa contendo cartuchos intactos também de calibre 28.

Encontraram ainda, cartuchos recarregados do mesmo calibre, potes contendo pólvora, chumbo e espoleta (materiais utilizados na recarga de cartuchos), um apito tipo pio (simula o canto de aves para que sejam atraídas para próximo do caçador, facilitando o abate), um cinto para acondicionar os cartuchos durante atividade de caça, dois estilingues, uma munição calibre 20 e 01 canhãozinho calibre 28 (armadilha que os caçadores instalam em trilhas feitas por animais silvestres, colocando alimentos como atrativo e um cartucho instalado no topo da armadilha, e quando o animal vai se alimentar, ocorre o acionamento do cartucho, causando a sua morte).

O responsável pelos materiais não foi localizado, permanecendo sua esposa na condição de testemunha e conduzida ao Distrito Policial.

Na esfera administrativa a Polícia Ambiental elaborou 04 (quatro) autos de infração ambiental, com multa total no valor de R$27.090,00 (vinte e sete mil e noventa reais). O responsável responderá pelas infrações praticadas.

Denúncias podem ser feitas pelos telefones 190 e (12) 3886-2200 da Polícia Militar Ambiental de Caraguatatuba.

Fonte: Tamoios News