Unidades da Ceasa no RJ recebem placas para coibir maus-tratos a animais

Unidades da Ceasa no RJ recebem placas para coibir maus-tratos a animais
Terceira etapa da Campanha Educativa que tem objetivo de coibir maus-tratos e incentivar adoção Terceira etapa da Campanha Educativa que tem objetivo de coibir maus-tratos e incentivar adoção - Foto: Ceasa

As unidades da Ceasa-RJ do Irajá e de São Gonçalo receberam hoje (31/01) placas para coibir maus-tratos e animais e incentivar a adoção. A iniciativa é da Secretaria Estadual de Agricultura, Pecuária, Pesca e Abastecimento, responsável pelas políticas públicas de Proteção e Bem-estar Animal (RJPET).

Essa é a terceira etapa da campanha educativa contra o abandono de animais. A primeira aconteceu na Via Lagos e a segunda na RJ-125. A ação conta com a parceria com o DER-RJ, que confecciona as placas.

“Essa é uma ação de cunho educativo para as pessoas entenderem que maus-tratos é crime. É importante levarmos essa mensagem a todos os lugares possíveis. Começamos nas estradas e agora estamos na Ceasa-RJ, onde circulam milhares de pessoas diariamente. A campanha educativa vai rodar todo nosso estado.”, explicou o secretário de Agricultura, Marcelo Queiroz.

A presidente da Ceasa-RJ, Bianca de Carvalho, acompanhou toda a ação.

“É uma grande honra para a Ceasa-RJ poder fazer parte dessa campanha de conscientização sobre o abandono de animais. As Centrais de Abastecimento sofrem com esse problema e somente juntos seremos capazes de impedir essa crueldade”.

Dados do IBGE e do Instituto Pet Brasil, de agosto do ano passado, apontaram que o Estado do Rio tinha cerca de 3,4 milhões de animais abandonados. Com a pandemia, estima-se que houve um aumento de cerca de 40% nos casos de abandono.

“É importante ressaltar que a lei de proteção animal está mais rigorosa, com pena de até cinco anos de reclusão”, acrescentou Queiroz

Por Cristina Cruz

Fonte: O Fluminense

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.