Veja como ajudar cães abandonados em Santos (SP) se tornando um ‘passeador’ voluntário

Veja como ajudar cães abandonados em Santos (SP) se tornando um ‘passeador’ voluntário
Codevida cuida hoje de mais de 120 cachorros e conta com apenas 5 voluntários para passeio. (Foto: Divulgação / Codevida)

Você gosta de animais? Se sim, a oportunidade de levar alegria a cachorros abandonados ou vítimas de maus-tratos sem precisar levá-los para casa está próxima. A Coordenadoria de Defesa da Vida Animal (Codevida) de Santos busca voluntários para passear com os cães assistidos pela unidade. Atualmente são apenas cinco voluntários para passear com 120 cachorros abrigados nas duas unidades da instituição.

Segundo Leila Abreu, coordenadora da Codevida, o setor chegou a ter 20 inscritos, “mas aos poucos essas pessoas foram desaparecendo”, o que é negativo, aponta ela, “porque os animais entram em uma rotina e contam com o passeio, alguns deles até choram”.

A aposentada Lysete Duarte iniciou o voluntariado no ano passado por intermédio de uma amiga. Ela encara o passeio com a cadela Sandy, vítima de espancamento, como uma terapia que faz bem para ambas. “Sandy tem muito medo por causa dos maus-tratos que sofreu, mas, mesmo assim, me reconhece pelo cheiro, ver a felicidade dela e de outros cachorros é sempre muito gratificante para mim”.

Como se voluntariar

Quem quiser se tornar um passeador voluntários deve ir à Avenida Francisco Manoel s/nº, no Jabaquara, de segunda a sexta-feira das 7 às 17 horas. É preciso estar com o RG, CPF e comprovante de residência em mãos para um cadastro.

Os passeio são feitos nas imediações do local e os animais são distribuídos aos voluntários de acordo com as características físicas de ambos. Outras informações pelo telefone 3203-5075.

Fonte: A Tribuna

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.