Veja como solicitar castração de animais no município de São Paulo

Veja como solicitar castração de animais no município de São Paulo

O município de São Paulo oferece o serviço de castração de animais desde 2001, por meio do Programa Permanente de Controle Reprodutivo de Cães e Gatos (PPCRCG), tendo realizado desde então mais de 1,4 milhão de cirurgias de esterilização de cães e gatos. O serviço, gratuito, é voltado a animais com idade entre 3 meses e 10 anos e está disponível a residentes na capital.

A castração é realizada tanto por meio de mutirões, realizados em regiões de maior exclusão social, quanto por clínicas contratadas, que atendem à população em geral.

Veja como solicitar a castração em clínicas:

Documentos necessários

  • Documento oficial do responsável pelo animal com foto, constando RG e CPF.
  • Comprovante de residência atualizado (emitido nos últimos 90 dias) em nome do responsável pelo animal.
  • Comprovante de vacinação do animal contra raiva, quando houver.
  • Foto do animal (que constará na carteirinha do RGA)

Passo a passo para pedidos on-line

– O primeiro passo é preencher a solicitação para castração no Portal SP 156, informando os dados do animal que deseja castrar. O tutor também precisará enviar pelo próprio sistema os documentos obrigatórios para solicitação do serviço (listados acima).

– No final desta etapa, basta escolher uma das 17 clínicas contratadas da prefeitura para a realização da cirurgia.

– Feita a solicitação on-line, a clínica fará contato em até 30 dias para o agendamento e as orientações gerais. A maior parte das clínicas realiza o procedimento em um prazo médio de 10 dias.

– Após o agendamento, basta comparecer à clínica veterinária contratada com o animal na data e hora agendadas, respeitando as orientações pré-operatórias fornecidas; na data da cirurgia será entregue a plaqueta de identificação do RGA. Caso o animal já tenha o registro emitido anteriormente, o tutor deve levar a plaqueta de identificação afixada à coleira.

Passo a passo para pedidos presenciais

– Para dar início ao processo, é necessário comparecer a uma das praças de atendimento que encaminham os pedidos de castração. Clique aqui para conferir quais necessitam de agendamento para o atendimento e quais atendem por livre demanda, sem agendamento. É necessário levar a documentação exigida. A foto do animal para a confecção do RGA deverá estar em formato eletrônico.

– Após término do cadastro, o tutor receberá o link do RGA digital por e-mail.

– Uma vez que o termo de castração tenha sido emitido, basta aguardar a clínica escolhida entrar em contato, indicando disponibilidade de dias e horários para agendar a castração de seu animal.

– Na data agendada, o tutor deve comparecer com o animal à clínica veterinária contratada, respeitando as orientações pré-operatórias fornecidas; no mesmo dia será entregue a plaqueta de identificação do RGA. Caso o animal já tenha o registro emitido anteriormente, o tutor deve levar a plaqueta de identificação afixada à coleira.

Acesse a página da Cosap clicando aqui.

Fonte: Cidade de São Paulo

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.