Vereador do interior do Amazonas é multado em R$ 11,5 mil por abater animais silvestres

Vereador do interior do Amazonas é multado em R$ 11,5 mil por abater animais silvestres

Ibama teve ciência da denúncia por meio de fotografias e realizaram a identificação do parlamentar.

FIXAS imagens fortes 660px

O vereador Isaías Vicente (PTB) do município de Codajás (a 297 quilômetros de Manaus) foi multado em R$ 11,5 mil pelo Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis (Ibama) após ser denunciado por abater animais silvestres às margens de um rio.

O superintendente substituto do Ibama, Geandro Guerreiro Pantoja, explicou que a instituição teve ciência da denúncia por meio de fotografias e realizaram a identificação do vereador.

Nas imagens, de acordo com Pantoja, Isaías e um outro homem, aparecem abatendo duas antas e três pacas próximo a um rio. “Após a denúncia, nós fizemos a identificação e o vereador foi multado em R$ 11,5 mil pelo crime ambiental. O valor teve um aumento porque as antas são animais em extinção”, destacou.

Segundo o superintendente, o Ibama possui um núcleo de inteligência e monitora regularmente casos de crimes ambientais, inclusive, nas redes sociais. Ele também explicou que o vereador vai ser notificado da autuação pelo correio e após receber o documento, terá um prazo de 20 dias para apresentar defesa.

“É lamentável que um representante do povo tenha essa postura perante o meio ambiente”, comentou o superintendente.

AM Codajas multa vereador

Fonte: A Crítica

{module [425]}

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.