Veterinária de abrigo de animais na Expoacre afirma que seis animais já morreram

Veterinária de abrigo de animais na Expoacre afirma que seis animais já morreram

No Parque de Exposições, um abrigo para animais tem enfrentado desafios desde a sua implantação no final de fevereiro. Infelizmente, a veterinária Siham Kassab, do Centro de Zoonoses da Prefeitura de Rio Branco, informou que seis animais já faleceram no local. No entanto, é importante ressaltar que essas mortes foram resultado de condições pré-existentes dos animais antes mesmo de chegarem ao abrigo.

De acordo com a veterinária, alguns animais já chegam ao abrigo com problemas de saúde. Apesar dos esforços da equipe em fornecer tratamentos e cuidados adequados, infelizmente, esses seis animais não conseguiram resistir. Siham Kassab destaca que a equipe do abrigo está empenhada em oferecer o máximo de conforto possível aos animais, mas é comum que eles apresentem altos níveis de estresse, o que pode levar a uma diminuição da imunidade.

Durante o pico da enchente, o abrigo acolheu cerca de 520 animais, principalmente cães. A situação de abrigo e o estresse vivenciado pelos animais podem contribuir para a queda na imunidade. Por esse motivo, a vacinação não é realizada no abrigo, sendo recomendado que ela seja feita quando os animais estiverem com uma boa imunidade. Assim, no momento da saída do abrigo, a equipe consulta os cuidadores para garantir que a vacinação antirrábica seja realizada.

Por Angélica Florêncio

Fonte: Na Hora da Notícia

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.