Vídeo chocante mostra como animais de circo vivem quando não estão em turnê

Vídeo chocante mostra como animais de circo vivem quando não estão em turnê

Por Jaime Mishkin / Tradução de João Pedro Astolfi da Costa

Nesse vídeo chocante da Animal Defenders International, nós presenciamos as condições miseráveis em que os animais do circo Peter Jolly vivem quando não estão em tour. Dica: não é melhor do que o que eles passam quando estão sendo explorados para o entretenimento circense.

A vida de animais no circo é recheada de abuso e descaso pelo fato de que estão lidando com seres emocionais e sensíveis. Animais mantidos em cativeiros em circos exibem comportamentos estereotipados, tais como mover-se de um lado para o outro, balançar a cabeça e automutilação. Esses comportamentos supostamente são manifestações físicas do seu stress mental. Além disso, companhias circenses são conhecidas por negligenciar ou abusar de animais durante o processo de treinamento caso eles sejam incapazes de aprender certo truque corretamente. Por exemplo, elefantes são regularmente espancados com correntes ou apunhalados com “bullhooks” (bastões de ferro).

Mas, como é possível ver nesse vídeo, uma vez que os animais saem da tenda do circo, eles precisam suportar condições de vida deprimentes. Podemos ver um espaço superlotado, brigas (quem pode culpá-los quando colocados em um espaço apertado?), animais acorrentados por horas sem água e, resumidamente, regulamentos do governo sendo completamente ignorados. Isso é inaceitável e precisamos fazer algo agora!

O que você pode fazer

Primeiro de tudo, evite circos que tenham atos com animais. Além disso, leia e compartilhe estes artigos (em inglês) para aprender mais sobre circos e como pode ajudar:

Fonte: One Green Planet

Mais notícias

{module [427]}

{module [425]}

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.