Vídeo mostra cavalo vagando sem rumo em rua de Petrópolis; força-tarefa foi montada para resgatar animais após tragédia

Vídeo mostra cavalo vagando sem rumo em rua de Petrópolis; força-tarefa foi montada para resgatar animais após tragédia

Depois da tragédia causada pela chuva em Petrópolis, na Região Serrana do Rio, que já deixou ao menos 140 mortos e quase 200 desaparecidos, muitos animais que perderam seus tutores estão sendo resgatados em diferentes bairros. Na manhã deste sábado (19), um cavalo caminhava sem rumo pelas ruas do bairro Morin.

VÍDEO: Vídeo mostra cavalo vagando sem rumo em ruas de Petrópolis após tragédia

O registro foi feito com um celular pela cinegrafista Juliana Nascimento, que estava a caminho de uma reportagem.

“Coitado, né? Nem sabe o que está acontecendo mais”, disse Lucas Machado, repórter da Inter TV que acompanhava o registro.

Cachorro resgatado após tragédia em Petrópolis, no RJ — Foto: Divulgação
Cachorro resgatado após tragédia em Petrópolis, no RJ — Foto: Divulgação

De acordo com o protetor de animais e vereador Domingos Galantes, uma força-tarefa foi montada na cidade pela Coordenadoria de Bem-Estar Animal, com o apoio de instituições de proteção animal de âmbito nacional e estadual, secretaria de Meio Ambiente de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense e o Inea. Somando todos os grupos, já foram resgatados mais de 300 animais, entre domésticos, silvestres e de grande porte.

Segundo a Coordenadoria de Bem-Estar Animal (Cobea), os animais domésticos foram levados para lares temporários.

“Neste momento estamos resgatando os animais que estão nessas áreas, pois muitos perderam seus tutores. Estamos também cadastrando voluntários para acolhimento dos animais que forem resgatados. Toda ajuda neste momento é muito importante”, explicou a coordenadora Raphaela Buriche.

Gato ferido foi resgatado após desastre causado pela chuva em Petrópolis, no RJ — Foto: Divulgação
Gato ferido foi resgatado após desastre causado pela chuva em Petrópolis, no RJ — Foto: Divulgação

Os interessados em abrigar animais devem entrar em contato com o número (24) 99204-0647. Para acolhimento será necessário informar nome completo, telefone de contato atualizado, CPF do tutor temporário e comprovante de residência.

O local para abrigo desses animais precisa ser seguro. Já para os médicos veterinários que queiram se voluntariar, será necessário informar os mesmos dados acima citados e o registro no CRMV.

De acordo com Domingos Galante, até o momento seis cavalos foram resgatados e encaminhados para o curral municipal, que fica no distrito de Itaipava. Eles estão sendo tratados, os que não tiverem tutores, podem ser disponibilizados para adoção. O cavalo que aparece no vídeo já foi localizado pela Guarda Municipal de Petrópolis e vai ser encaminhado para o curral.

Já os animais silvestres, estão sendo levados para clínicas veterinárias voluntárias, para serem tratados e posteriormente devolvidos à natureza no momento oportuno

A coordenadoria também está recebendo doações de ração. O item deve ser entregue na Defesa Civil, no Centro da cidade, que fica na Rua Buarque de Macedo, ou no Curral Municipal, em Itaipava.

Por Wilson Pinheiro

Fonte: g1

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.