Vídeo mostra dezenas de pacas mortas em MT e causa revolta

Vídeo mostra dezenas de pacas mortas em MT e causa revolta
Um vídeo ganhou as redes sociais ao mostrar dezenas de pacas mortas no Mato Grosso. – Foto: @pantanaloficial/Instafgram/Reprodução/ND

Um vídeo compartilhado nas redes sociais chamou atenção devido à quantidade de pacas mortas, na região do Mato Grosso. Nas imagens é possível observar dezenas de animais mortos amontoados.

O perfil do Pantanal Oficial, no Instagram, compartilhou o vídeo e fez um apelo. “Precisamos da sua ajuda para identificar estes criminosos! Qualquer informação sobre estas pessoas, local, paradeiro do animal, informar ao Ibama através do telefona 0800 061 8080, buscar o CofisBio”.

Após a divulgação das imagens, internautas comentaram o caso. “Obviamente se tem caçando nessa proporção é porque tem gente comprando. E muito! Ninguém caça essa quantidade para o próprio consumo!”, disse um.

A Lei de Crimes Ambientais sinaliza que é ilegal: matar, perseguir, caçar, apanhar, utilizar espécimes da fauna silvestre, nativos ou em rota migratória, sem a devida permissão, licença ou autorização da autoridade competente, ou em desacordo com a obtida.

Crimes como esse tem pena de detenção de 6 meses a 1 ano, e multa. “A legislação que protege a fauna é muito branda e a punição para quem caça ou maltrata um animal silvestre, por exemplo, é leve e acaba incentivando este tipo de ato”, diz parte do texto do @pantanaloficial.

A paca não é classificada como espécie em extinção, porém no estado do Paraná ela está classificada como “em perigo de extinção” desde 2007.

Esse desaparecimento da espécie da região do Paraná pode estar relacionado principalmente à fragmentação dos remanescentes florestais e caça ilegal para comercialização da carne.

‘Pacas mortas’ causa revolta:

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Pantanal Oficial (@pantanaloficial)

Conheça a paca:

A paca (Cuniculus paca) é um animal de médio a grande porte, é o segundo maior roedor do Brasil. O termo “paca” tem origem tupi, paka, que também significa “vigilante, desperto, sempre atento”.

Animal muito veloz quando corre, principalmente para fugir de predadores, muita ágil e tem fôlego. Seu peso varia de 6 a 12 kg, tendo alguns machos que podem chegar até a 15 kg.

A paca pode ser encontrada desde a América Central, até a América do Sul, desde a Bacia do Rio Orinoco até o Paraguai. Seu habitat natural são floretas tropicais.

O que o Ibama diz sobre criação de pacas?

Criadores de pacas no Brasil devem seguir a normas estabelecidas pelo Ibama, tendo em vista o bem-estar animal previsto na Declaração Universal dos Direitos dos Animais.

No Brasil, há vários criatórios de paca, sendo uns somente da espécie e outros mistos com espécies nativas, como cateto, capivara, ema e cutia.

Para a criação é preciso definir o propósito – comercialização do animal vivo, comercialização da carne, para soltura de animais na natureza – e para cada finalidade, existe uma taxa a ser paga ao Ibama.

Todo esse processo precisa sempre ser acompanhado por um zootecnista ou um médico veterinário para realizar acompanhamentos de todos os exames necessários.

Fonte: ND+

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.