Vídeo mostra recuperação de cachorro agredido por idosa no ES

Vídeo mostra recuperação de cachorro agredido por idosa no ES

A clínica veterinária que cuidou de um cachorro que foi agredido por uma idosa, no Espírito Santo, publicou um vídeo para explicar o estado de saúde e os tratamentos que estão sendo dados ao animal. No vídeo, é possível ver que o cachorro, que recebeu o nome de Carlos Ambrósio, ainda está se recuperando dos ferimentos com terapias e medicamentos.

Segundo o veterinário responsável pelo tratamento, o animal está com traumatismo craniano, lesões de pele e um olho perfurado pelos pregos da madeira que foi usada na agressão. De acordo com os veterinários, o quadro do cão é grave, mas estável. A partir de agora, ele permanecerá em terapia na clínica até que se recupere.

“Ele ainda tem lesão em todo o focinho e sangramento nasal. Esse sangramento é por dois motivos: um pela baixa da plaqueta e o segundo pelas pancadas na cabeça. Ele não conseguia nem piscar. Hoje ele já consegue piscar um dos olhinhos”, disse o veterinário no vídeo.

O cachorro ficou ferido após ser agredido por uma idosa com um pedaço de pau, no bairro de Boa Vista, em Cachoeiro de Itapemirim, no Espírito Santo, na última quinta-feira. O caso viralizou nas redes sociais após um vídeo com a agressão ser publicado na internet.

A mulher de 70 anos agrediu o animal porque ele teria mordido a perna de uma criança. Ela foi detida e encaminhada para a Delegacia de Polícia Judiciária (DPJ) de Cachoeiro, onde assinou um termo circunstanciado e foi liberada. Durante a prisão, a mulher foi cercada por vizinhos que a vaiaram.

O EXTRA tentou entrar em contato com dono da clínica veterinária para saber sobre a adoção do animal, mas ainda não teve retorno. No Facebook, vários internautas se prontificaram em ser o novo dono de Carlos Ambrósio.

Fonte: Extra

MAIS NOTICIAS

{module [427]}

{module [425]}

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.