Voluntários se mobilizam por cães vítimas de maus-tratos, em Bauru, SP

Voluntários se mobilizam por cães vítimas de maus-tratos, em Bauru, SP

“A crueldade humana não tem fim”. É o que desabafa a servidora pública Elisabete Pereira, de 61 anos, que acompanha o trabalho de alguns protetores independentes de Bauru. Eles, inclusive, deram início a uma vaquinha online para arrecadar R$ 2 mil, necessários ao tratamento de três cães resgatados de uma casa na última sexta-feira (6). Os animais apresentavam desnutrição severa.

Ainda de acordo com Elisabete, os voluntários não conseguiram recolher outros quatro cães da mesma residência. “Uma protetora deu ração pelo buraco da cerca e eles quase comeram a mão dela, de tanta fome”, acrescenta.

Por outro lado, os três animais resgatados já recebem atendimento veterinário. “Do corpo de uma das cadelas, saiu um copo cheio, de 200 mililitros, de bicho. Pensei que fosse morrer, mas voltou a se levantar e a se alimentar”, relata.

Os demais cães, sendo um filhote macho, estão internados na mesma clínica. Depois, todos precisarão de um lar responsável.

Até o momento, a vaquinha online, criada pela protetora Ariane Angélica Caffeo, conseguiu arrecadar um montante de R$ 540,00.

Serviço

Para contribuir com a vaquinha online, basta acessar o seguinte link: https://www.vakinha.com.br/vaquinha/resgatados-situacao-lamentavel-cruel-de-maus-tratos. Existe, ainda, a possibilidade de ir até a clínica onde os cães estão internados, situada na avenida Castelo Branco, 11-74. Outras informações: (14) 99786-9660 (Elisabete).

Entre os três cães resgatados em uma residência, havia uma cadela e um filhote em estado de desnutrição. – Crédito: Divulgação
Além de desnutrida, a cadela esta cheia de feridas. – Crédito: Divulgação

Por Cinthia Milanez

Fonte: JCNET

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.