Zoológico de Louisville (EUA) envia elefantes para um santuário!

Zoológico de Louisville (EUA) envia elefantes para um santuário!
Foto: Tatiana Litvinova/Shutterstock

Após anos de campanha incansável dos ativistas dos direitos dos animais, o Zoológico de Louisville anunciou a transferência de seus dois últimos elefantes, Mikki e Punch, para o The Elephant Sanctuary, no Tennessee. Essa decisão marca uma vitória significativa para os defensores do bem-estar animal e significa um momento crucial no reconhecimento das necessidades complexas dos elefantes em cativeiro.

Por mais de cinco décadas, Mikki e Punch ficaram confinados em um pequeno recinto no Zoológico de Louisville, privados de vastas paisagens e estruturas sociais essenciais para seu bem-estar. O reconhecimento pelo próprio zoológico de que as práticas tradicionais não se alinham mais com a realidade das necessidades dos elefantes ressalta uma mudança mais ampla no setor de animais em cativeiro.

Courtney Scott, consultora de elefantes da In Defense of Animals, elogiou a decisão, enfatizando a escolha sábia e compassiva feita pelo Zoológico de Louisville. Ela disse: “Parabenizamos o Zoológico de Louisville por ter feito uma escolha sábia e compassiva. A aposentadoria de Mikki e Punch tem sido nossa meta há anos, e estamos entusiasmados com o fato de que outro de nossos 10 Piores Zoológicos acabará com a miséria dos elefantes. O Zoológico de Louisville deve ser aplaudido por admitir publicamente que os zoológicos não podem atender às complexas necessidades dos elefantes e por se alinhar com a ciência ao enviar seus elefantes para um santuário. Pedimos encarecidamente ao Zoológico de Louisville que não se envolva no negócio de elefantes e mantenha sua exposição de elefantes fechada para sempre. Todos os zoológicos com elefantes devem seguir o exemplo do Zoológico de Louisville, levar seus elefantes para um santuário e fechar para sempre suas exposições de elefantes, como fizeram 34 zoológicos.”

O anúncio foi feito após a pressão implacável de organizações como a In Defense of Animals, que sempre criticou o zoológico por não atender às necessidades básicas dos elefantes. A trágica perda da prole de Mikki, aliada à incapacidade do zoológico de oferecer companhia e espaço adequados, ressaltou ainda mais a necessidade urgente de mudança.

Ao transferir Mikki e Punch para o The Elephant Sanctuary, o zoológico garante que esses animais finalmente terão a oportunidade de passear por hectares de grama, alimentar-se de árvores e plantas e desfrutar da liberdade que lhes foi negada por tanto tempo. Enquanto Mikki e Punch se preparam para sua nova vida no santuário, o fechamento da exposição de elefantes no Zoológico de Louisville marca uma tendência mais ampla no setor. Com o Zoológico de Knoxville também enviando seu último elefante para um santuário, o Zoológico de Louisville se torna o 36º zoológico a fechar sua exposição de elefantes, refletindo uma compreensão crescente da crueldade inerente à manutenção de elefantes em cativeiro.

Por Trinity Sparke / Tradução Ana Carolina Figueiredo

Fonte: One Green Planet

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.