Mais de 80 bezerros tiveram pneumonia e ficaram duas semanas sem comer em MS

Mais de 80 bezerros tiveram pneumonia e ficaram duas semanas sem comer em MS
As diligências dos dois órgãos prosseguirão com o objetivo de identificar o proprietário da chácara - Crédito: Divulgação Polícia Civil

A Polícia Civil, por meio da Decat (Delegacia Especializada em Repressão a Crimes Ambientais e de Atendimento ao Turista), realizou nesta terça-feira, 18/07, uma ação conjunta com a Iagro (Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal do MS), em uma chácara de cerca com cerca de 10 hectares, localizada às margens de uma estrada vicinal na região da Chácara das Mansões (BR-163), banhada pelo Córrego Cabeceira Comprida. Crime de maus-tratos de animais foi identificado no local.

Conforme a polícia, no local existia uma casa de alvenaria composta de ampla área externa, sala, cozinha, banheiro social, dois quartos e uma suíte, que apresentava aspecto de abandono. Na propriedade foram encontrados cerca de 85 bezerros entre 08 e 10 meses aproximadamente, das raças holandês e girolando, com indícios de subnutrição, alguns dos quais doente e até alguns animais mortos em decorrência de pneumonia, conforme aferição de equipe da Iagro.

Proprietários do local não foram localizados até o momento. As diligências dos dois órgãos prosseguirão com o objetivo de identificar o proprietário ou arrendatário da chácara e o responsabilizar criminalmente por crime de maus-tratos (art. 32 a Lei 9.605/98), bem como orientá-lo quando às medidas cabíveis de manejo para salvar o rebanho que ainda resta.

Força-tarefa localiza quase 100 bezerros em situação de maus-tratos em MS

Fonte: Dourados News

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.