Preso homem suspeito de chutar gato em mercado público na PB

Preso homem suspeito de chutar gato em mercado público na PB
Preso homem que aparece chutando gato em mercado público na PB (Foto: Reprodução/ YouTube)

Foi preso nesta segunda-feira (8), o homem suspeito de agredir um gato, no Mercado Público da Torre, em João Pessoa. A ação foi registrada por uma câmera de monitoramento. O homem foi encaminhado à Central de Polícia Civil, no bairro do Geisel, e deve responder por maus tratos a animais. Veja o vídeo no fim da matéria.

As imagens revoltaram os comerciantes, que procuraram a polícia e a prefeitura de João Pessoa para que providências fossem tomadas. Através das imagens, o homem apontado como autor da agressão foi identificado e conduzido à delegacia.

O homem detido chegou a afirmar que o estresse teria motivado a agressão e que se arrepende da ação criminosa.

De acordo com o Código Penal Brasileiro, maus-tratos a animais é crime. O artigo 32 da lei estabelece que “praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos” é passível de detenção de três meses a um ano, além de multa.

No entanto, é importante destacar que a punição pode ser agravada caso o animal venha a óbito ou sofra lesões graves. Além disso, em caso de maus tratos a animais domésticos, a pena pode ser aumentada em um terço.

A lei também prevê a proibição de práticas como rinhas de animais, além da criação e comercialização de produtos que envolvam crueldade contra os animais.

É importante lembrar que a proteção dos animais é uma responsabilidade de todos, e denúncias de casos de maus tratos podem ser feitas às autoridades competentes. A conscientização da população sobre a importância da preservação dos animais é fundamental para garantir um futuro melhor para todas as espécies.

Fonte: T5