Cachorros foram encontrados mortos em abrigo arrombado — Foto: Marcio Morais/Arquivo Pessoal

Cães são encontrados mortos em abrigo arrombado em Encruzilhada do Sul, RS

Cinco cães foram encontrados mortos no domingo (21) em um abrigo para animais que sofrem maus-tratos e são recolhidos das ruas de Encruzilhada do Sul, no Vale do Taquari. Conforme Marcio Morais, que trabalha no local, ele e um colega presenciaram a situação após constatarem que o abrigo estava com sinais de arrombamento.

A suspeita é que os cães tenham sido mortos a pauladas.

“Nos fins de semana e feriados, vamos de manhã e de tarde alimentar, limpar, ver se está tranquilo. Quando ele [colega] chegou domingo, se deparou com a cena. Nem entrou, me ligou e disse que tinham arrombado. Eu moro perto, cheguei ali e me deparei com essa cena também”, conta.

Janelas do abrigo de cães foram arrombadas — Foto: Marcio Morais/Arquivo Pessoal
Janelas do abrigo de cães foram arrombadas — Foto: Marcio Morais/Arquivo Pessoal

Ainda segundo Marcio, o colega dele esteve no local também no sábado e tudo estava dentro do normal. O abrigo é municipal e é usado para receber os animais desde o começo de 2017. O objetivo é cuidar dos bichos e colocá-los para adoção.

Depois que entraram e viram os cães mortos, os colegas chamaram a Brigada Militar. Marcio diz que foi orientado a ir a uma delegacia fazer o boletim de ocorrência, o que foi feito na manhã desta segunda-feira (22). Ele também registrou que foram levados do local ração, medicamentos e produtos de limpeza.

Porta do abrigo estava com fechadura retorcida — Foto: Marcio Morais/Arquivo Pessoal
Porta do abrigo estava com fechadura retorcida — Foto: Marcio Morais/Arquivo Pessoal

Investigação

A Polícia Civil investiga o caso. Conforme a delegada Raquel Schneider, já há uma denúncia sendo apurada.

“Já teve uma denúncia que está nos auxiliando, estamos tentando identificar o autor ou os autores. Mas continuamos pedindo que, se alguém tiver mais informação, que nos passe, não precisa se identificar”, salienta.

A delegada acrescenta que, se for oferecido a alguém algum saco de ração de 25kg, é para desconfiar. “Foram levados 10 sacos do local”, diz.

Os crimes investigados neste caso são de furto qualificado e crueldade contra animais.

A delegada disponibiliza dois números da delegacia para denúncias – (51) 37331042 ou final 1976 -, além do 197 da Polícia Civil e 190, da Brigada Militar. Não há câmeras de segurança no local.

Por Tatiana Lopes e Ronaldo Daros, G1 RS e RBS TV

Fonte: G1

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.