Serviço gratuito de castração de animais auxilia tutores, ONGs e abrigos independentes em Maceió, AL

Serviço gratuito de castração de animais auxilia tutores, ONGs e abrigos independentes em Maceió, AL

A quantidade de animais que são abandonados nas ruas do Brasil cresce diariamente. Dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), estimam que até o segundo semestre de 2022, mais de 30 milhões de cães e gatos estejam em situação de abandono no país.

Em Maceió, assim como em várias cidades do Brasil, cresceu também o número de abrigos independentes que acolhem os bichos que são encontrados nas ruas. Mas não é uma tarefa fácil arcar com todas as despesas e ainda custear as castrações de cada um eles. Pensando nisso, a prefeitura da capital alagoana criou o Programa de Controle Populacional Permanente de Cães e Gatos da Prefeitura de Maceió, conhecido como Castramóvel, que visa auxiliar no controle populacional de animais na capital alagoana.

Ao Cada Minuto, a coordenação do Gabinete de Gestão Integrada de Políticas para Causa Animal (GGI-CI), criado em 2 de fevereiro deste ano, contou como vem trabalhando para dar assistência aos criadores independentes, e ajudando a reduzir o número de doenças zoonóticas, que são transmitidas aos humanos por meio de animais não vacinados.

“A partir da sua implantação, a coordenação passou a desenvolver diversos projetos, como o Castramóvel, que está percorrendo os bairros do Município com castração para cães e gatos; oferta de vacinação antirrábica; trabalho socioeducativo para a população; feiras de adoção que acontecem de forma permanente aos fins de semana; e apoio às ONGs e protetores independentes”, informou a assessoria do Gabinete da Causa Animal.

O Gabinete é responsável por agendar junto aos bairros em que o Castramóvel irá realizar os atendimentos. A equipe informa previamente a população, a data, local e horário que irá fazer a entrega das fichas.

Em seguida o animal realiza uma triagem e avaliação clínica com Médico Veterinário, e faz coleta para exame de sangue. Caso esteja apto para castração, a equipe do GGI-CA agenda do procedimento cirúrgico.

Documentos

É importante lembrar que no dia do atendimento os animais estejam na coleira com guia, ou em caixa de transporte adequado.

Para participar, o tutor precisa levar RG, CPF, comprovante de residência do bairro em que o Castramóvel irá realizar os atendimentos, ter em mãos um comprovante de renda ou aposentadoria de até um salário mínimo, e um comprovante de inscrição em algum programa do governo federal, como o Auxílio Brasil ou comprovante de inscrição no Cadastro Único.

Serviço gratuito de castração de animais auxilia tutores, ONGs e abrigos independentes

Desafios

Além de trabalhar percorrendo os bairros da capital, outro desafio do GGI-CA é a conscientização para realizar o controle populacional, castração e os devidos cuidados com esses animais.

“Estamos trabalhando com equipes multidisciplinares com o objetivo de dar suporte, ressaltando assim a importância da responsabilidade não apenas material, mas também psicológica de estar com a guarda desses animais”, informou a assessoria do GGI-CA, que destacou a importância das políticas públicas neste setor.

“É necessário trabalhar a conscientização quanto à responsabilidade e manejo dos animais, estabelecer políticas públicas direcionadas aos animais que vivem nas comunidades e apoiar a regularização dos locais que abriguem um quantitativo elevado de animais”, completou.

Ainda segundo o GGI-CA, “todos os programas executados pelo Gabinete têm o objetivo de conscientização a população sobre os cuidados com a saúde, proteção, defesa e bem-estar animal, sejam eles domiciliados ou não”.

Outras informações sobre o serviço do Castramóvel, podem ser obtidas por meio do WhatsApp: (82) 98752-6505.

Confira abaixo mais informações sobre o serviço do Castramóvel:

O GGI-CA tem conseguido atender as demandas desses criadores visto que muitos deles contam com doações para se manterem e ajudarem os animais?

– Atualmente o Gabinete da Causa Animal atende as demandas de castração, vacinação antirrábica, avaliação veterinária e realiza orientações socioeducativas.

Quais as projeções para o GGI-CA a médio e longo prazo?

– Ampliar as atuais frentes de trabalho e implantar novas políticas públicas a partir das demandas da nossa realidade local.

Vocês contam com algum apoio extra que auxilie a realizar as atividades?

– O Gabinete de Gestão Integrada de Políticas Públicas para Causa Animal trabalha de forma integrada com outras secretarias e serviços da Prefeitura, como o Gabinete do Prefeito, Secretaria Municipal de Saúde, Secretaria Municipal de Governo, Secretaria Municipal de Gestão, Secretaria Municipal de Educação, Secretaria Municipal de Assistência Social, Fundação Municipal de Ação Cultural e Secretaria Municipal do Trabalho, Abastecimento e Economia Solidária.

Por Cristovão Santos

Fonte: Cada Minuto