Tutor diz que potro esperou 4 horas por resgate após cair em buraco em Campinas, SP

Tutor diz que potro esperou 4 horas por resgate após cair em buraco em Campinas, SP
Fabrício e, ao fundo, o buraco onde o filhote de cavalo caiu, em Campinas (Fotos: Reprodução / EPTV)

O filhote de um cavalo, que caiu em um buraco de cinco metros de profundidade neste domingo (26), em Campinas (SP), ficou ao menos quatro horas preso aguardando o socorro. Segundo o tutor do animal, a queda ocorreu durante a madrugada. A escuridão e a falta de sinalização no local contribuíram para o acidente, e o próprio tutor não percebeu o momento da queda do potro.

“O potranquinho se afastou da mãe. Na hora nem percebi. […] Pensei que tinha morrido o cavalo. […] Foi de madrugada, mas como o buraco era fundo, teve que esperar amanhecer para que o animal fosse retirado pelo Corpo de Bombeiros”, conta o vendedor Fabrício Bispo.

O acidente ocorreu no bairro Jardim Lisa II, em um trecho da rua onde um buraco médio escondia uma “cratera” sob o asfalto. A passagem de um caminhão de lixo teria feito o asfalto ceder no local, segundo moradores. O tutor do animal disse que sempre passa nesta rua e não sabia da profundidade. “Tem umas três semanas esse buraco”.

O trabalho de resgate feito pelos bombeiros durou cerca de uma hora. O potro foi retirado com a ajuda de uma corda e teve ferimentos leves.

“Utilizando essa corda, outros dois bombeiros ajudaram a puxar do lado de fora. O cavalo saiu com segurança, apenas com um pequeno arranhão”, conta o sargento Robson Jesus.

Para amarrá-lo, o bombeiro precisou descer até o fundo da cratera e prender uma corda no corpo do cavalo, com o cuidado para imobilizá-lo, garantindo a segurança do animal e dos bombeiros. Após fazer o resgate, a Defesa Civil foi acionada, já que o buraco representa um risco para quem passa pelo local.

“Fiquei assustado. A gente trabalha pra caramba para ter nossos bichos e, do nada, pela irresponsabilidade da Sanasa ou da Prefeitura deixar um buraco desses aí, é brincadeira. Se fosse uma criança? O cavalinho ainda tem sorte”, desabafa o tutor do animal.

A Prefeitura informou por meio da assessoria de imprensa que a Administração Regional responsável pelo bairro já havia colocado uma sinalização no buraco, mas que ela foi reforçada neste domingo após o incidente. Uma contenção de terra foi colocada no local junto com faixas e cavaletes. A Prefeitura informou que agora vai providenciar o conserto do asfalto o mais rápido possível.

Filhote de cavalo imobilizado após o resgate (Foto: Gabriela da Silva Santos / Arquivo pessoal)

Fonte: G1

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.