Após tratamento em Barueri (SP), animais voltam à mata

Após tratamento em Barueri (SP), animais voltam à mata
Após tratamento em Barueri, animais voltam à mata (Foto: Divulgação)

Um macaco bugio e um bicho-preguiça fêmea voltaram a viver na mata após terem passado por atendimento no Cetas (Centro de Triagem de Animais Silvestres) de Barueri.

Eles foram soltos por técnicos da unidade, com apoio da Guarda Municipal, em uma área de Mata Atlântica. O macaco veio para o Cetas após ser resgatado no Rodoanel, na região da represa Billings, em agosto de 2016, pela Policia Ambiental, com ferimentos que aparentavam sinais de briga.

Em Barueri, recebeu acompanhamento e ficou em observação para análises de comportamento até ser solto. Já a preguiça foi encontrada machucada em São Lourenço da Serra no começo deste mês.

Ela foi trazida pela Guarda Ambiental de Itapecerica da Serra, depois de cair de uma árvore e ter sido atacada provavelmente por um cachorro. Foi alimentada e ficou em observação até se recuperar.

Os animais também foram microchipados para fins de controle e soltos em uma área com cerca de 4 hectares de vegetação em estágio avançado. O Cetas fica na estrada Doutor Cícero Borges de Moraes, 3.211, Bairro dos Altos. Mais informações do serviço podem ser obtidas pelo telefone 4689-0314.

Fonte: Web Diário 

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.