Cachorro tem pelo descolorido e ato teria sido cometido durante festa de universitários em Rio Paranaíba, MG

Cachorro tem pelo descolorido e ato teria sido cometido durante festa de universitários em Rio Paranaíba, MG

Um ato de covardia foi denunciado por uma protetora de animais em Rio Paranaíba. De acordo com as informações de Thamires Martins, responsável pelo grupo Apadrinhe, um dos cuidadores de um cão que vive nas ruas da cidade relatou através de uma mensagem que alguns universitários faziam uma festa no bairro Progresso durante a semana de recepção dos calouros da UFV/CRP e, possivelmente, jogaram uma espécie de descolorante ou tinta de cabelo no pelo do cachorro.

Thamires conta que o animal sabe pedir socorro quando está doente ou tem algum problema e que quando chegou em casa, o cão já estava à sua espera. Ela conta que não sabe precisar o dia em que aconteceu o ataque ao animal, uma vez que na semana passada a movimentação nas ruas da cidade foi intensa devido a chegada dos universitários.

O cachorro, segundo a responsável pelo grupo Apadrinhe, agora está com a pele irritada e escamando. Thamires ressalta que o animal agora precisa de banhos, shampoo hidrante de boa qualidade e ômega 3 para aliviar a irritação.

Em seu perfil numa rede social, Thamires publicou uma nota de repúdio contra a agressão ao cão, onde destaca que o ato é crime e pediu respeito.

“É um absurdo eu ter que vir até aqui expor uma situação como essa. Um cão comunitário em situação de rua, IDOSO, que antes era preto, apareceu dessa maneira. Segundo informações, universitários faziam “festa” próximo ao Ribeiro 2 e passaram descolorante ou tinta de cabelo no cachorro. Agora ele está com o pelo todo irritado e a pele escamando.

REPUDIO atitudes imbecis e CRIMINOSAS como essas! Caso não saibam, o que fizeram é CRIME, configura maus tratos. Quero saber quem vai pagar banho semanal para ele, remédio e shampoo para a dermatite! Quem quiser denunciar o (s) meliante (s) inbox garanto sigilo absoluto. Parem de encher o rabo de cachaça e sair fazendo merda! Comecem fazendo o bem! Mesmo porque trote também é CRIME! Mais amor por favor! Façam o que quiserem da vida de vocês, mas RESPEITEM A NATUREZA! Já não basta para eles o sofrimento das ruas?”

O ato pode configurar crime de maus tratos previsto na Lei Federal 9605/98 e na Lei Estadual 22231/16. Recentemente um caso parecido foi registrado em Carmo do Paranaíba, onde meliantes pintaram o pelo de um cachorro de verde. O caso revoltou toda região.

Quem quiser ou puder ajudar nos cuidados do animal, poderá entrar em conta com Thamires Martins ou com a Fernanda Paula através das redes sociais.

Por André Amâncio e Gilberto Martins

Fonte: Paranaíba Agora via Patos Agora 

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.