Prefeitura de Fortaleza (CE) poderá contar com Coordenadoria de Proteção e Defesa dos Animais

Prefeitura de Fortaleza (CE) poderá contar com Coordenadoria de Proteção e Defesa dos Animais

O prefeito Roberto Cláudio (PDT) recebeu, nesta semana, o projeto de indicação da vereadora Larissa Gaspar (PPL) que cria a Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Animal. O projeto foi aprovado pela Câmara Municipal e agora cabe ao prefeito devolvê-lo à Casa na forma de Mensagem do Executivo.

A vereadora Larissa Gaspar está confiante de que a mensagem será logo encaminhada, destacando a importância da iniciativa. Ela observa que a Coordenadoria é “uma luta histórica do movimento de proteção animal”.

Pelo projeto de indicação, eis as responsabilidades da Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Animal:

– Construir, manter e administrar a Rede de Defesa e Proteção Animal da Cidade de Fortaleza;

– Monitorar situações de maus tratos e condições sanitárias dos animais domésticos acionando as autoridades competentes;

– Promover o inventário da população canina e felina domiciliada e em situação de abandono em Fortaleza;

– Promover campanhas gratuitas de castração e identificação em massa de animais em situação de abandono;

– Proporcionar a captura e atendimento médico veterinário de animais domésticos feridos ou em estado de saúde debilitado que necessitem de socorro imediato, encaminhando-os às clínicas públicas e privadas conveniadas;

– Apoiar, em parcerias com outros órgãos, a fiscalização da criação e comércio ilegal de animais.

DETALHE – A Lei Orçamentária Anual de Fortaleza prevê para 2017 quase R$ 1,2 milhão para castrações na Capital, sendo que desse valor R$ 588 mil foram emendas de vereadoras(es) da legislatura passada.

Fonte: Blog do Eliomar 

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.