Baleia que encalhou na praia de Carro Quebrado, AL, volta ao mar depois de mais de 24 horas

Baleia que encalhou na praia de Carro Quebrado, AL, volta ao mar depois de mais de 24 horas
Baleia que encalhou viva na praia de Carro Quebrado, em Alagoas, consegue voltar ao mar depois de 24h.— Foto: Instituto Biota

Depois de mais de 24 horas, a baleia que encalhou na praia de Carro Quebrado, na Barra de Santo Antônio, conseguiu voltar ao mar na tarde desta terça-feira (21) (veja no vídeo abaixo). O animal ficou preso na areia durante a maré baixa e mais de 40 pessoas trabalharam para salvá-lo.

Vídeo: Baleia de 13m que estava encalhada na praia de Carro Quebrado, volta ao mar.

O momento do desencalhe foi bastante comemorado e os envolvidos se emocionaram. Segundo Bruno Stefani, coordenador do Instituto Biota de Conservação de Alagoas, o animal seguiu imediatamente para alto mar. Ele disse que não tem como saber se a baleia vai sobreviver depois de tanto tempo encalhada.

“A gente vai ficar atento para saber se outro animal encalha e tentar saber se é a mesma”, disse Bruno que informou ainda que não foi colocada nenhum tipo de marcação na baleia.

De acordo com o Biota, o animal é da espécie Baleia-fin (Balaenoptera physalus), tem 13m de comprimento e está bastante debilitado, magro e com diversos ferimentos pelo corpo.

As equipes acompanharam o animal desde as 16h de segunda-feira (20) e permaneceram até as 23 horas, retornando nesta madrugada. Eles fizeram algumas tentativas para que a baleia voltasse à água, mas só quando a maré subiu novamente, no final desta tarde, é que conseguiram.

Além do Instituto Biota também participaram do desencalhe da baleia equipes da Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh), do Ibama, da Marinha do Brasil, da prefeitura da Barra de Santo Antônio e moradores da região. 
 

View this post on Instagram

É com extrema emoção e felicidade que comunicamos o ☀sucesso☀ na reintrodução desta Baleia-fin (Balaenoptera physalus) ao seu habitat, durante a maré alta desta tarde, o qual vinha sendo acompanhado com ansiedade por tantos de vocês! Foi uma operação de enormes proporções, que não seria possível sem o apoio e colaboração de todos os parceiros, e dedicação de nossa equipe, que se dedicou integralmente ao animal desde o cair da tarde de ontem. 🐋🙌 . A dedicação seguirá, pois, junto com população e parceiros locais, é importante acompanharmos a região para o caso de que volte a encalhar, tendo em vista o estado debilitado de saúde que fez com que o animal encalhasse. 😷 . Ao percorremos a área com as equipes nos momentos posteriores à reintrodução, não foi identificado novo encalhe, por isso esperamos que os cuidados veterinários que recebeu o ajudem a recuperar integralmente sua saúde! 🙌🙌🙏👏 . Nossos agradecimentos pelo apoio e torcida de todos! 👏👏👏 . ☀Apoio: @fundacaotoyotadobrasil @sosmataatlantica @semarhal @prefeiturademaceio @copra_alimentos @icmbio_costadoscorais . #mcz #maceio #alagoas #brasil #brazil #marinelife #sealovers #conservation #conservação #medvet #cetacea #baleia #whale #encalhe #meioambiente #projetobiotamar

A post shared by Instituto Biota de Conservação (@institutobiota) on

Vídeo: Equipes de biólogos trabalharam para evitar que a baleia ficasse desidratada sob o sol.

Fonte: G1

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.