Hamada Kouta atacado por leão Foto: Reprodução/YouTube

Domador é atacado por leão durante apresentação em circo

O domador egípcio Hamada Kouta, de 32 anos, foi atacado por um dos leões com os quais ele se apresentava em um circo em Lugansk (Ucrânia). Crianças na plateia entraram em pânico durante o ataque.

“Eu chamei um dos leões, mas um outro veio e me atacou. Ele pulou e me mordeu. Graças a deus não foi no pescoço”, disse Hamada, de acordo com o site “East2West News”. “Logo depois ele me soltou. Minhas costas, um braço e uma perna ficaram feridos”, acrescentou ele.

O experiente domador se apresenta com dez leões juntos. Imediatamente após o incidente, todos o felinos voltaram às jaulas.

Hamada Kouta ferido após ataque de leão Hamada Kouta ferido após ataque de leão Foto: Reprodução/East2West News
Hamada Kouta ferido após ataque de leão Hamada Kouta ferido após ataque de leão Foto: Reprodução/East2West News

“Meu coração parou quando o leão pulou em cima do domador”, disse uma mulher que acompanhava o filho no circo.

Depois, mesmo ferido, o egípcio, que é famoso na Europa Oriental, voltou ao picadeiro e retomou a apresentação.

“Estava coberto de sangue, mas pedi que todos se acalmassem. Às vezes os leões acordam de mau humor. Confio nos leões mais que nas pessoas. Pessoas são as criaturas mais perigosas. Quando ocorre um ataque em 99% dos casos é culpa do domador”, comentou Hamada.

Hamada Kouta em outra apresentação Hamada Kouta em outra apresentação Foto: Reprodução
Hamada Kouta em outra apresentação Hamada Kouta em outra apresentação Foto: Reprodução

Várias cidades da Ucrânia não permitem animais em circos. Lugansk é uma exceção.

Assista ao ataque:

Fonte: Extra


Nota do Olhar Animal: Claro que o ataque não é casual. Ao contrário, os relatos sobre situações similares são frequentes. Além de obrigar estes animais a terem comportamentos que violentam sua natureza, os métodos para que isto ocorra comumente implicam a tortura física e psíquica.

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.