Drone captura imagens de cães 'de caça' dilacerando brutalmente uma raposa em pedaços

Drone captura imagens de cães ‘de caça’ dilacerando brutalmente uma raposa em pedaços

No Reino Unido, é ilegal caçar raposas com uma matilha de cães. Mas esta lei é fraca e raramente utilizada. Por causa disso, caçadores continuam a fazer estas caçadas ilegais de qualquer maneira. Uma caçada em particular, no entanto, tem ganhado muita atenção e indignação graças ao West Kent Hunt Saboteurs. O grupo de proteção animal configurou drones para capturarem qualquer caçada ilegal, e a imagem é absolutamente devastadora.

No vídeo, pode-se ver uma raposa tentando se afastar dos cães de caça que a rastrearam. Dois cães de caça a agarraram primeiro e a puxaram como um pedaço de corda antes que dezenas de outros cães se empilhassem em cima da raposa e continuassem a rasgá-la em pedaços.

AVISO: O vídeo abaixo pode ser angustiante para alguns espectadores.

FOOTAGE THAT SHOWS THE EAST SUSSEX & ROMNEY MARSH FOX WAS DEFINITELY ALIVE WHEN IT WAS KILLED.This is in response to the excellent BBC South East News coverage tonight where it's mentioned the hunt are saying the fox could already be dead.We've slowed it right down and put an arrow to help train your eyes. Look in-between the white hound on the left and the black hound on the right – you can see the fox move between the two hounds before being picked up by the white hound.We accept that it's fleeting but if viewed on a larger screen you can definitely see the poor fox moving.

Gepostet von West Kent Hunt Sabs am Donnerstag, 14. November 2019

Depois da caçada, a raposa foi deixada decapitada e pode-se ver seus membros ensanguentados. Harry Blackhurst, do West Kent Hunt Saboteurs, disse: “Estamos sem palavras. Não compreendo como alguém pode fazer aquilo com um animal. Mas não se faz nada porque a Lei da Caça é fraca, então os caçadores usam quaisquer brechas na lei”. Ele também adicionou: “A coisa mais mortificante foi quando os cães mataram a raposa, todos os caçadores estavam rindo”.

Pode-se ver os caçadores a celebrar na foto abaixo compartilhada no Facebook pelo West Kent Hunt Sabs. Um dos caçadores ergue seu punho para cima como se tivesse conquistado algo.

Fist pumping for the kill. A pathetic example of the human race.

Gepostet von West Kent Hunt Sabs am Sonntag, 10. November 2019

Os Saboteurs pedem que a Lei de Caça seja reforçada para que os caçadores não saiam impunes de tais caçadas ilegais e cruéis. Um porta-voz do grupo de caça East Sussex and Romney Marsh negou que a caçada tenha sido organizada e alega que alguns cães podem ter se desviado. Entretanto, os Saboteurs dizem ter visto os caçadores circulando a área por muito tempo para que os cães de caça pudessem sentir o cheiro da raposa. Eles também ouviram os cães uivando, que é um sinal para os homens de que eles sentiram o cheiro.

Felizmente, a Polícia de Sussex iniciou uma investigação depois de receber o vídeo dos Saboteurs. Por mais horrível que estas imagens do drone sejam, elas podem ser o que era necessário para que a Lei de Caça seja fortalecida e aplicada. Se você concorda e quer apelar para que a Polícia de East Sussex e o Departamento de Meio Ambiente, Alimentos e Assuntos Rurais façam deste caso uma prioridade, assine esta petição!

Para mais artigos sobre animais, Terra, vida, comida vegana, saúde e receitas publicados diariamente, inscreva-se no boletim informativo do One Green Planet! Também não se esqueça de baixar o aplicativo Food Monster App no iTunes, que com mais de 15.000 receitas deliciosas, é a maior fonte de receitas sem carne, veganas e antialérgicas para ajudar lhe a reduzir sua pegada ambiental, salvar animais e ficar saudável!

Finalmente, ter financiamento do público nos dá uma chance maior de continuarmos a lhe oferecer conteúdo de alta qualidade. Por favor, considere nos apoiar fazendo uma doação!

Por Sharon Vega / Tradução de Fátima C G Maciel 

Fonte: One Green Planet 

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.